soldas

SOLDAS NA OURIVESARIA

Share On Facebook
Share On Twitter
Share On Google Plus
Share On Linkedin
Share On Pinterest
Share On Youtube

O processo de fabricação de joias de forma artesanal precisa de ter soldas e sabemos que a solda tem teor de ouro mais baixo que o utilizado na joia a ser soldada, por tal motivo é importante projetar joias com o mínimo de solda possível pois grande número de soldas torna a joia mais frágil, fazendo com que ela perca um pouco do seu valor. Lembramos que a solda para ouro amarelo 18K é feita em uma proporção de 1g de ouro para 0,33 g de solda de prata, tendo como resultado  uma solda com quilate de 12, logo percebemos que a solda de ouro 18K tem teor de ouro mais baixo e por isso funde  a uma temperatura mais baixa,  se não fosse assim, a temperatura da chama do maçarico iria iria destruir a peça de ouro 18K a ser soldada. Concluímos então que uma joia com muitas soldas poderá ocasionar a redução no teor do ouro após  ser derretida.

A solda é extremamente essencial para a confecção de joias na Ourivesaria Artesanal pois não é possível ser um ótimo ourives se não souber dominar o maçarico, controlando sua chama com a  distância correta.

FERRAMENTAS PARA SOLDAS

  1. Tijolo refratário que suporta altas temperaturas;
  2. Maçarico;
  3. Pinça de Ourives;
  4. Soldaron, que é um líquido fundente que dá maior eficácia ao processo de soldagem;
  5. Tesoura para cortar solda

TRABALHANDO COM SOLDAS

  1. Cortar as soldas  em pequenos pedaços, utilizando a tesoura de ourives;
  2. Posicionar bem juntas as peças em cima do tijolo refratário, para serem soldadas de forma correta;
  3. Aplicar o soldaron na junção das peças;
  4. Colocar a solda na junção das peças;
  5. Acender o maçarico e fazer movimentos circulares para aquecer as partes da peça igualmente, focando na solda que quando atingir seu ponto de derretimento, vai escorrer para as áreas onde o soldaron foi aplicado, unindo as peças.

Escreva um comentário